Academia Metroforma

Áreas sociais como lazer e esporte, geralmente são deixadas por escanteio em campanhas eleitorais. Profissionais relacionados, como atletas, tendem a se frustrar com a falta de investimento em suas atuações. Conquistas árduas muitas vezes não são reconhecidas, o que leva muitos a desistir do sonho.

A importância do esporte

Saúde e esporte estão diretamente interligados, academias e centros esportivos ajudam a amenizar o stress do dia a dia e a promover o bem-estar geral e bom funcionamento físico. Mesmo estando relacionadas, o esporte e o lazer não são obrigações de investimento aos governantes, são fundamentais para uma população ativa e proporcionar entretenimento, oportunidades e envolvimento, principalmente aos jovens.

O esporte auxilia, além da saúde de forma preventiva, na educação através da dinâmica e valores embutidos que formam cidadãos comprometidos com ideais fundamentais para a vida em sociedade.

A execução da atividade física, no quesito da conservação da estrutura esquelética, mantém a massa muscular e óssea, ao mesmo tempo que conserva a gordura no patamar ideal, fazendo também o condicionamento cardiorrespiratório. Atua na estabilidade do humor e controle metabólico, o que faz com que seja tão importante. O esporte é um agente promotor de saúde, sendo assim, um vetor relevante para a valorização dela.

A importância do lazer

O lazer também é capaz de prevenir doenças, podendo até mesmo curá-las. Sendo um agente preventivo e, juntamente com o esporte, deveria ser estimulado em todas as políticas públicas. Ambos não possuem uma remessa de recursos garantida mesmo trazendo tantos benefícios.

Investimento

Conforme a legislação brasileira, os gastos obrigatórios do orçamento público são apenas educação e saúde, as demais partes são restritas a folhas de pagamento dos funcionários municipais.

Cabe aos administradores públicos demonstrarem habilidade política e administrativa para valorizarem essas divisões, buscando, através da aprovação de projetos em conjunto às secretárias de estado e aos ministérios, o investimento necessário. As parcerias público-privadas também são um excelente instrumento para que se possa assegurar a qualidade de vida da população.

Esporte e saúde

Assim como o esporte promove saúde, ao praticar esportes deve-se ter os cuidados quanto a ela, sendo ela física ou bucal. É necessário manter a vistoria e as consultas com o médico em dia, já que problemas de saúde podem impedir com que se faça esforço físico.

Ao promover o contato da população com o esporte deve-se ter a preocupação de mantê-los informados se estão correndo riscos a demais circunstâncias. Enquanto a prática regular de esporte promove benefícios, o excesso de intensidade do nível competitivo influencia reações neuroendócrinas e cardiovasculares. Essas alterações contribuem para o desenvolvimento de distúrbios no sistema imunológico, fator considerável para o atleta e sua preparação.

Ademais, há outros fatores importantes como a idade, o ambiente, os fatores fisiológicos, anatômicos e genéticos e o estado nutricional, que determinam uma boa disposição. Afetando negativamente, o atleta fica sujeito a infecções, prejudicando o seu rendimento.

Esporte e assistência médica

O diagnóstico correto e o tratamento, além do retorno gradual as atividades físicas, deve ser seguido e proporcionado através de uma assistência médica de qualidade concedida pelo governo. É necessário um trabalho em conjunto entre médico, nutricionista e treinador, que é fundamental e necessário ser de fácil acesso entre a população.

Além desse apoio médico, o apoio de um odontologista deve ser requerido e de fácil disponibilidade aos atletas, já que também há problemas bucais que se relacionam com a pratica esportiva. Essas complicações devem ser solucionadas o quanto antes, para evitar interferência na performance do atleta. Todo praticante de algum esporte, seja amador ou de alta performance, precisa ter o mesmo cuidado a saúde bucal que oferece a outras vertentes da saúde física.

Localização

Rua Marcus Couto Bezerra